Ouça agora na Rádio

Vivências das mulheres rurais em Rio do Salto

Reprodução

Postado em 22/11/2021 por

Compartilhe agora

Comissão Feminina promove evento de troca de experiências entre agricultoras

A Comissão Feminina do Sindicato Rural de Cascavel, em parceria com a CEMF (Comissão Estadual de Mulheres da FAEP), irá promover no dia 1 de dezembro, às 14h, no pavilhão da Igreja de Rio do Salto, distrito do município, o evento denominado “Vivências das mulheres rurais”. O objetivo é promover uma troca de experiências entre as produtoras, com cada uma compartilhando conhecimentos específicos sobre seu modelo de negócio.

Serão várias participantes e cada uma falará sobre uma determinada atividade agrícola. São elas: Adriana Martini De Meda (grãos); Mauzirene Matsushita (hortifrúti); Daniela Simonetti (suinocultura); Sonia Ranghetti (pecuária de corte); Lucia Shoffer (piscicultura e turismo rural); Maria Angélica Linhares (setor administrativo e financeiro) e Maria Beatriz Orso (avicultura e pecuária de leite). A moderadora do evento será a jornalista Sirlei Benetti.

O novo evento vem de encontro com a proposta da Comissão Estadual de Mulheres da FAEP (Federação da Agricultura do Estado do Paraná), recentemente criada com o objetivo de encorajar as mulheres no empreendedorismo rural, incentivar sua participação e envolvimento no negócio da família, fortalecer a representividade feminina no agronegócio, além de estimular o crescimento profissional, familiar e pessoal, mediante cursos entre outras formas.

A presidente da Comissão Feminina do Sindicato Rural de Cascavel, Maria Beatriz Orso, que também é a coordenadora regional da Comissão Estadual, destacou que eventos desta natureza serão cada vez mais comuns.

“Nossa Comissão, tradicionalmente, além de estimular a participação de cursos, era focada mais em campanhas solidárias. No entanto, agora vamos ampliar o escopo de ações, envolvendo mais as agricultoras e dando oportunidades como essa para trocarmos experiências. Pode ser desta forma que alguém tenha vontade de empreender e gerar mais renda na propriedade”, afirmou.

Assessoria

Deixe um comentário

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.