Ouça agora na Rádio

Edson e Gugu conseguem mais de R$ 10 mi para terminar Ala Materno Infantil do HUOP

Assessoria

Postado em 18/03/2022 por

Compartilhe agora

A unidade será equipada com diversas estruturas de assistência ao atendimento materno-infantil

O vereador Edson Souza (MDB) ajudou a garantir R$ 10,3 milhões de investimento para conclusão da obra da ala materno infantil. Desde o início do mandato, o vereador se comprometeu a articular os recursos para andamento da obra, que teve a primeira fase finalizada recentemente, após 4 anos paralisada. “O dia de hoje nos causa emoção, pois sabemos a importância dessa obra para mudar a vida das pessoas e a saúde pública da nossa região. O espaço hoje é de apenas 600 metros quadrados e que será transformado em um espaço de quase 6 mil metros quadrados. Isso representa um atendimento muito mais humanizado”, ressalta Edson.

O investimento foi anunciado hoje (17) na reitoria da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) e o recurso deve ser depositado até a próxima semana pela Secretaria de Saúde do Estado. “É um investimento importante para toda região, e ressalto que o HUOP merece nosso respeito por todo atendimento prestado à população. A obra é importante, conseguimos esse recurso para finalizar, mas outros passos ainda precisam ser dados, vamos precisar de equipamento, e toda estrutura é essencial para atender as mães com carinho e respeito”, comenta o secretário Estadual de Saúde, Beto Preto.

A unidade será equipada com diversas estruturas de assistência ao atendimento materno-infantil, com 78 leitos de pré e pós-parto, 22 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal e 24 de cuidados intermediários. “Quando entramos no Centro Obstétrico não temos como não nos perguntarmos como a equipe faz tudo nesse pequeno espaço, e mesmo com toda dificuldade, ainda recebem elogios e depoimentos de mães que preferem ficar no HUOP. Levamos à diante esse compromisso de concluir essa obra e hoje é um dia de agradecimento à toda essa parceria”, enfatiza o reitor da Unioeste, Alexandre Webber.

A segunda fase dessa obra contempla conclusão interna, como forro, bancadas, pias, iluminação, além da instalação do aquecimento de água, sistema de climatização, construção da área de refúgio e execução dos serviços de estacionamento e urbanização externa. “A previsão é que com esse investimento seja possível a conclusão em cerca de um ano, e assim, consigamos garantir investimentos em mobiliário e equipamentos para atender a população nesse novo espaço. O nascimento de uma criança é um momento de alegria para toda família, e para isso, é importante esse espaço para que possamos acolher essa família ainda melhor”, afirma o diretor geral do HUOP, Rafael Muniz de Oliveira.

A primeira etapa da obra, que foi paralisada por quatro anos, teve investimento total de R$ 8,5 milhões, contemplando execução de serviços de fundações e estruturas, alvenarias internas, externas, cobertura, infraestrutura elétrica, hidrossanitária, gases medicinais, dentre outros, além do revestimento de pisos e esquadrias. “Nas primeiras semanas como deputado recebi o convite para conhecer o Centro Obstétrico do HUOP, e o ambiente me chocou, pois não tem uma estrutura física boa para todo o atendimento que tem. Recebi a informação da obra paralisada há quatro anos e ajudamos a articular os recursos para que a obra andasse, e ainda para que fosse finalizada o mais breve possível. É um investimento importante para toda a região”, diz o deputado estadual, Gugu Bueno.

O prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, também esteve presente na oficialização do investimento, e ressaltou a importância do investimento. “Momentos como esse nos enche de expectativa, nos fortalece. É difícil gerenciar a saúde pública da região, e portanto, precisamos comemorar essas conquistas”, diz.

Estiveram presentes no ato vereadores da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores de Cascavel, Cidão da Telepar e Sadi Kisiel; vereadores de Cascavel e região Oeste; Deputado Estadual Adelino Ribeiro; diretor administrativo do HUOP, Rodrigo Barcella; diretora de Enfermagem do Huop, Sara Treccossi; diretor clínico do HUOP, Vilson Dalmina; diretor pedagógico, Alex Sandro Jorge; diretor do campus da Unioeste de Cascavel, Aníbal Diniz, e demais autoridades da região.

Assessoria

Deixe um comentário

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.